Newsletter

Receba as novidades do Cruzeiro em primeira mão!

Notícias em destaque

26 fev 2020

Notícias

Núcleo Gestor do Cruzeiro divulga balanço dos primeiros 30 dias de atuação
Futebol Profissional

Núcleo Gestor do Cruzeiro divulga balanço dos primeiros 30 dias de atuação 

O Núcleo Dirigente Transitório completou um mês à frente da gestão do Cruzeiro Esporte Clube. O grupo de empresários, que tem a responsabilidade de conduzir as ações do Clube neste processo de transição, divulga agora um balanço de todas as atividades que foram feitas no período, visando a reestruturação da instituição.

Desde o final de dezembro, foram reuniões diárias e muitas horas de trabalho para o levantamento de dados e a busca por soluções de curto, médio e longo prazo. Entre as ações já implementadas está o lançamento do Sócio Reconstrução, contando com o apoio do torcedor neste momento complicado pelo qual passa o Cruzeiro. Em outras frentes estão a renegociação com atletas, credores e fornecedores, a tentativa de enxugamento da folha salarial, com demissões e rescisões de contrato em todas as áreas, e várias medidas para diminuir gastos, como a desativação de andares na Sede Administrativa e outras ações que estão em andamento.

Para resgatar e restaurar a credibilidade, o atual núcleo gestor também tem feito uma revisão em todos os contratos de parceiros e patrocinadores com a instituição, para identificar possíveis melhorias e fortalecer os acordos comerciais com o time celeste.

Uma outra vertente, importantíssima, é o objetivo do Clube em reaver recursos que podem ter sido desviados, e, para isso, além de ações administrativas, os dirigentes também estão apoiando e oferecendo todo o apoio à Polícia Civil e Ministério Público nas investigações. 

Principais Ações – 30 dias do Núcleo Dirigente Transitório:

– Renegociação com a maior parte dos atletas e comissão técnica do futebol profissional;

– Renegociação com credores e fornecedores;

– Lançamento do Sócio Reconstrução, com mais de 40.000 adesões até o momento;

– Entrada de novos parceiros e patrocinadores;

– Revisão da política de distribuição de ingressos e cortesias

– Colocação em dia da folha administrativa, com pagamento do FGTS, segunda parcela do 13º e férias;

– Desativação de três andares da Sede Administrativa, diminuindo gastos com energia e manutenção;

– Demissão de 110 funcionários, além da rescisão de contrato com dezenas de prestadores de serviço. Processo ainda em andamento, e a economia estimada é de mais de 25 milhões/ano;

– Análise de todos os contratos de aquisição de jogadores e as respectivas negociações com agentes;

– Contato intenso com as autoridades policiais e Ministério Público para acompanhar as investigações sobre as irregularidades;

Em andamento:

– Início do projeto de modernização do Estatuto;

– Reformulação do programa Sócio Cinco Estrelas;

– Lançamento do Portal de Transparência;

– Renegociação com a Minas Arena sobre débito de 26 milhões e novo contrato;

– Revisão e melhoria de contratos de patrocínios;

– Realinhamento do contrato com a Adidas e novo relacionamento com empresa;

– Estudo do melhor modelo contábil para recuperação e quitação de dívidas;

– Transferência do futebol feminino para a Toca 1, para diminuição de custos;

– Reestruturação da área de TI, que foi terceirizada pela administração anterior;

– Venda de todos os veículos que eram usados pela presidência e diretoria;

– Estudo de um melhor aproveitamento dos imóveis, para redução de custos e gerar rentabilidade.

Fonte: Cruzeiro

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *